Está querendo tirar ou renovar CNH categoria E? Veja o guia completo!

 

A CNH categoria E ainda gera muitas dúvidas, principalmente por causa das suas regras. Quem quer tirar ou fazer a renovação precisa saber que há a obrigatoriedade da realização do exame toxicológico, principalmente para garantir que o trânsito seja um local mais seguro e sem as chances de um acidente grave acontecer.

Além disso, há outros requisitos importantes que devem ser seguidos, principalmente na hora de solicitar a sua CNH. Confira, abaixo, todos os detalhes necessários para alterar a sua categoria na carteira de habilitação e quais são as etapas necessárias para conseguir renovar ou tirar a CNH.

Obrigatoriedade do exame toxicológico para CNH categoria E

O exame toxicológico para CNH é uma obrigatoriedade para todos os condutores que desejam renovar ou tirar as suas carteiras de motorista. É por isso que na CNH categoria E há a necessidade de realização do exame, permitindo que o trânsito se torne um local muito mais seguro.

É importante lembrar também que o exame tem uma validade de 90 dias. Caso não seja apresentado nesse período, haverá a necessidade de realização de um novo teste. Sendo assim, fique atento a todos os prazos estabelecidos para não acabar atrasando a renovação da sua CNH.

Como fazer a mudança de categoria da CNH?

Depois de descobrir que o exame toxicológico é obrigatório em algumas categorias de habilitação, é preciso saber como realizar a troca de categoria, caso ainda esteja na A ou B. Para quem deseja tirar a carteira E, será preciso ter 21 anos completos e estar habilitado há, pelo menos, um ano nas categorias C ou D.

Além disso, para ter a CNH categoria E, é preciso não ter cometido mais de uma infração considerada gravíssima, levando em consideração os últimos 12 meses. O condutor também precisa ter o seu prontuário liberado. Em caso de bloqueio, não será possível liberar a nova categoria de habilitação.

Obrigatoriedade do exame psicotécnico

Além do exame toxicológico, haverá a exigência do exame psicotécnico. Há algumas condições para que esse tipo de teste seja exigido – entre elas, está a execução de atividades remuneradas –, e a validade no exame psicotécnico existe e precisa ser renovada. Em ambos os casos, o teste será exigido.

Caso o condutor seja reprovado em algum dos exames anteriormente mencionados, o médico responsável ou um psicólogo precisará informar ao interessado por qual motivo houve a reprovação. Ao ser aprovado, será possível ter a CNH categoria E.

Informações gerais

Para que haja a solicitação de mudança de categoria, é preciso responder a um formulário eletrônico, disponível nos Detrans de todo o Brasil. O Documento de Arrecadação Estadual poderá ser gerado e, posteriormente, pago, tanto em bancos físicos, quanto em bancos digitais.

O exame toxicológico para a CNH categoria E precisará ser realizado em uma clínica credenciada pelo Detran. Todas as informações necessárias sobre a clínica médica poderão ser conferidas no próprio DAE. Sendo assim, basta entrar em contato para marcar a data e o horário do seu exame.

 

 

 

REFERÊNCIAS

https://www.detran.mg.gov.br/habilitacao/alteracao-de-categoria-da-cnh/mudar-para-categoria-c-d-ou-e

 

© 2020 Chromatox Laboratórios - Todos os direitos reservados